29 de fevereiro de 2008

COMO VENCER UM GIGANTE


Quarta feira ultima, fui à Igreja e ouvi do meu Pastor, Wedmar Rezende, uma Reflexão baseada em I Sm 17. Fiz, como costumeiramente, alguns apontamentos, e estou repassando-a com minhas palavras. Peço perdão ao meu Pastor pelos decréscimos, ou acrescimos. Tentei ser o mais fiel possivel. (Roselee)

A batalha de Davi e Golias é uma das histórias mais bem conhecidas em toda a Bíblia, todos a conhecem muito bem, mas apalavra de Deus se renova a cada dia em nossos corações, você poderá ser abençoado, com uma nova visão dessa história.

Um campeão, o gigante Golias, tinha mais ou menos três metros de altura, saía do campo dos filisteus todos os dias , durante mais ou menos quarenta dias, desafiando o exército israelita para mandarem um competidor digno.

O jovem Davi foi enviado por seu pai para levar pães e queijo para os seus irmãos e o seu comandante na frente da batalha. Foi neste campo que a vida de Davi tomou um rumo diferente, e nunca mais sua vida seria a mesma. Œ Ele aproveitou muito bem essa oportunidade). A porta para uma carreira bem-sucedida como homem de Deus apareceu para ele no vale de Elá. Ninguém jamais consegue qualquer coisa de importância se não aproveitar suas oportunidades. A covardia das forças armadas israelitas, era uma porta aberta para Davi. Ao observar a intimidação e guerra psicológica de Golias, Davi perguntou: “... Que farão àquele homem que ferir a este filisteu e tirar a afronta de sobre Israel? Quem é, pois, esse incircunciso filisteu, para afrontar os exércitos do Deus vivo?” Samuel 17:26).

Para vencer um gigante é preciso conquistar a si mesmo. Como?Assumindo minha identidade. Assumir identidade é, também, assumir fraquezas e limitações. Davi reconheceu que aquela armadura ofertada por Saul, não lhe servia. Davi retirou a armadura de si. E porquê não servia? A armadura era pesada demais para ele, o peso atrapalhava sua marcha, sua desenvoltura. Ele, Davi, era pastor de ovelhas, e não soldado ou guerreiro.
Na luta conta os gigantes precisamos nos desfazer daquilo que não nos serve, que pesa, que não tem o nosso molde.

Para vencer um gigante é preciso manter o equilibrio. O irmão mais velho de Davi, Eliabe, falou com desdém: “Por que desceste aqui? E a quem deixaste aquelas poucas ovelhas no deserto? Bem conheço a tua presunção e a tua maldade; desceste apenas para ver a peleja” (17:28). Ora, Davi, tinha descido ao campo de batalha por ordem de seu pai, foi levar alimentos, e estava sendo caluniado e difamado por seu irmão mais velho. Davi,manteve o equilbrio, até mesmo quando insultado pelo gigante. Não se pode perceber medo na voz de Davi neste episódio todo. Pelo contrário, a sua coragem é dada a conhecer ao rei. Ele informou ao rei: “Não desfaleça o coração de ninguém por causa dele; teu servo irá e pelejará contra o filisteu” (17:32). Quando, enfim, aconteceu a batalha, Golias deu um ataque verbal: “Sou eu algum cão, para vires a mim com paus?” (17:43). É o melhor que os israelitas podem oferecer?
Davi ficou firme, não se deixou abater pela agressão verbal do gigante não se orgulhou da mortal certeza da sua funda . “Tu vens contra mim com espada, e com lança, e com escudo; eu, porém, vou contra ti em nome do Senhor dos Exércitos, o Deus dos exércitos de Israel, a quem tens afrontado...porque do Senhor é a guerra, e ele vos entregará nas nossas mãos” (17:45,47).

O equilibrio é necessário pois evita precipitação. O equilibrado traça seu rumo, se firma no seu objetivo e segue em frente sem se importar com aquele(s) que deseja(m) o seu desiquilibrio, sua derrota.
Bem mais tarde, já rei de Israel, Davi, foi provocado por um homem chamado Simei que assim dizia: "Sai, sai, homem sanguinário, homem de Belial!". Davi sendo rei, podia mandar prendê-lo, matá-lo, mas por ser equilibrado assim se manifestou: "...o Senhor olhará para a minha aflição, e me pagará com bem a maldição deste dia. Prosseguiam, pois, o seu caminho..." (II Sm. 16:13)

Lembram-se do PAN e da ginasta Jade? Em um exercicio de barras, Jade perdeu o equilibrio e caiu, foi-se a oportunidade de, naquele aparelho, ganhar medalha. Jade chorou , e o Brasil todo chorou com ela. Ainda bem que Jade teve equilibrio emocional, para prosseguir no exercicio, sendo vencedora em outros aparelhos naquela mesma competição.
Mesmo sob pressão é necessario manter o equlibrio para alcançarmos vitória.

Para vencer um gigante é preciso ver além do obvio - Por trás de atos e fatos aparentem naturais há uma realidade espiritual e sobrenatural. Davi fala ao seu oponente que a vitória iminente tinha um objetivo maior: "e toda a terra saberá que há Deus em Israel” (17:46). O jovem Davi não foi movido pelo desejo de provar ao seus irmãos, ou mesmo ao rei, que ele era forte, capaz, apesar da aparencia franzina. Não o movia o desejo de ser reconhecido, ficar famoso. Seu próposito fica bem delineado: Deus será conhecido por todo Israel. Foi Ele, Deus, quem ganhou a batalha , Davi sabe que será (foi) instrumento de Deus.

VELHAS ARVORES


Olha estas velhas árvores, mais belas
Do que as árvores moças, mais amigas,
Tanto mais belas quanto mais antigas,
Vencedoras da idade e das procelas..

O homem, a fera e o inseto, à sombra delas
Vivem, livres da fome e de fadigas:
E, em seus galhos abrigam-se as cantigas
E os amores das aves tagarelas.,

Não choremos, amigo, a mocidade!
Envelheçamos rindo. Envelheçamos
Como as árvores fortes envelhecem,

Na glória de alegria e da bondade,
Agasalhando os pássaros nos ramos,
Dando sombra e consolo aos que padecem!

Olavo Bilac

SONETO DE SEPARAÇÃO


SONETO DE SEPARAÇÃO
Vinícius de Morais


De repente do riso fez-se o pranto

Silencioso e branco como a bruma

E das bocas unidas fez-se a espuma

E das mãos espalmadas fez-se o espanto.

De repente da calma fez-se o vento

Que dos olhos desfez a última chama

E da paixão fez-se o pressentimento

E do momento imóvel fez o drama.

De repente, não mais que de repente

Fez-se de triste o que se fez amante

E de sozinho o que se fez contente

Fez-se do amigo próximo o distante

Fez-se da vida uma aventura errante

De repente, não mais que de repente.


Samba em prelúdio


Eu sem você

não tenho porquê

Porque sem você

não sei nem chorar

Sou chama sem luz,

jardim sem luar

Luar sem amor,

amor sem se dar

Em sem você


sou só desamor

Um barco sem mar,

um campo sem flor

Tristeza que vai,

tristeza que vem

Sem você, meu amor,

eu não sou ninguém

Ah, que saudade

Que vontade de ver

renascer nossa vida

Volta, querida

Os meus braços

precisam dos teus

Teus braços

precisam dos meus

Estou tão sozinho

Tenho os olhos

cansados de olhar para o além

Vem ver a vida

Sem você, meu amor,

eu não sou ninguém

Sem você, meu amor,

eu não sou ninguém.


(Baden Powell e Vinícius de Moraes)


27 de fevereiro de 2008

DIA DA MULHER - ELAS DISSERAM:



Ainda temos muito que caminhar, mas globalmente poderíamos dizer que a mulher já trilhou mais da metade do caminho de lutas nessa estrada rumo à libertação. O que eu vejo hoje, de qualquer forma, é um quadro muito positivo. A mulher é dona do mundo, ela é parabólica. Aliás, mesmo quando o mundo não vivia uma era parabólica, ela já era assim. Ao mesmo tempo que está ligada na camisa do marido, está vendo o bife para o filho, ligada em administrar o dinheiro, a casa. Ela pode estar dirigindo e pensando em fazer a unha, no que vai dizer na reunião de trabalho daqui a duas horas e falando no celular para o colégio do filho e, no fim, já trabalhou e fez mais de 100 coisas. Pensou mil coisas que os homens sempre esquecem, porque pensam com uma cabeça menos afinada para esses detalhes, que fazem a vida! E essa postura de cuidar da vida faz com que as mulheres envelheçam mais erguidas, porque a tarefa delas é a vida, elas são incumbidas do mundo. E só páram de cuidar do mundo quando morrem. Tanto que as mulheres que ficam viúvas, conseguem reconstruir a vida mais rápido, com exceções, claro, mas no geral é assim, os homens, não, quando viúvos, morrem logo depois e se são desquitados, ficam sem mães. Por isso que, a meu ver, a valorização da mulher no mundo é um merecimento, uma noção de direito. Ela é em si, por direito, a rainha da vida” Elisa Lucinda, poeta. “A mulher é tudo hoje em dia: esposa, mãe, amiga, companheira, estamos aí cada vez mais conquistando o nosso espaço. As mulheres estão se superando muito. A classe feminina se unindo, vai conquistando seu lugar no campo profissional, em todas as áreas, esportiva, científica, artística. A gente tem que pensar na gente mesmo, porque já pensa no marido, nos filhos, pensa em tudo e em todos. Mas e em nós mesmas, quem pensa na gente? Todas as mulheres devem pensar mais nelas mesmas. Se pensarmos mais em nós, o mundo vai acabar concordando e dar mais valor. Olhando só pra frente, as coisas melhoram e as portas vão se abrindo”. Zeferina, vencedora da São Silvestre de 2001. No meu trabalho, cuido da parte de condução, vigilância e reparos do navio. É uma profissão muito bonita, mas infelizmente muito solitária, onde passamos a maior parte do ano embarcado. É um campo totalmente novo para as mulheres, pois era um ambiente totalmente masculino, principalmente uma Praça de Máquinas, a discriminação é muito forte. Os homens acham que uma mulher não tem capacidade para poder tomar conta de uma Praça de Máquinas e nem conseguir fazer qualquer tipo de reparo, pois falam que não temos força. Mas estamos aí para romper esta barreira, e provar que somos capazes tanto quanto eles e estou muito feliz com minha atividade. Izis dos Santos Borges, uma das primeiras Oficiais de Máquinas da Marinha Mercante "Fico feliz de ver que hoje em dia, comparando a minha vida com a da minha avó ou da minha mãe, existem muito mais oportunidades, menos pressões morais ou religiosas. A mulher descobriu seu poder, sua auto-estima, que antes estava abafada. Ainda assim, nós mulheres precisamos tomar cuidado, porque mesmo com esta conquista de espaço, existe a loucura da competição. Por isso, não podemos esquecer a força do feminino. Em vez de tomar a posição masculina, precisamos lembrar que somos mulheres e nossa força está nisso." Rita Guedes, atriz, , "Ao longo do século XX, apesar de diversas etapas e resistências, as mulheres conquistaram direitos fundamentais, com a necessidade do respaldo institucional, inscrevendo na Constituição e nas leis o texto de cada vitória. No campo político, conquistamos, além do direito ao voto, a possibilidade de sermos eleitas para cargos eletivos. O direito à liberdade, à vida e o combate à discriminação. Lutamos por um atendimento de saúde que garantisse que nossa opção pela maternidade fosse sustentada por uma assistência de qualidade e que pudéssemos acompanhar nossos filhos nos primeiros quatro meses de vida em tempo integral, sem prejuízo salarial e de emprego. A legislação também avançou no que se refere a equidade dos salários entre homens e mulheres. No entanto, apesar das conquistas, entramos no século XXI com realidade e dados que nos remetem a séculos anteriores. Mulheres ainda morrem ao parir seus filhos, apanham dos companheiros como se propriedade fossem, recebem salários menores ao exercerem a mesma função que homens, empobrecem velozmente e acessam com muita dificuldade os espaços de poder. O desprezo do poder público é evidente e precisa ser confrontado com coragem, tenacidade e convicção, com ampla e poderosa mobilização das mulheres e homens deste solidário povo brasileiro para garantirmos o século da igualdade". Jandira Feghali, Deputada Federal (PCdoB/RJ). "A data isolada do 8 de março não deve servir de referência para uma reflexão sobre a luta das mulheres contra a desigualdade, a discriminação e a violência que vem se agravando. A valorização da participação das mulheres, seja na forma como expressa a sua cidadania, na política ou na própria presença cotidiana na construção da cidade é indiscutível. Essa luta passa pela inserção no mercado de trabalho, na divisão das tarefas domésticas e até mesmo na maneira como até hoje elas são retratadas pelos meios de comunicação. Soma-se a isso a violência contra as mulheres, dentro e fora de casa, com estatísticas que envergonham a todos nós. Esse quadro de adversidades ganha uma importância maior quando se trata da maior cidade da América do Sul, onde vivem 3,6 milhões de mulheres acima de 18 anos, numa população de 10,4 milhões, de acordo com o censo do IBGE, de 2000. Esse fato aumenta a nossa responsabilidade de adotarmos políticas públicas voltadas para as necessidades e direitos das mulheres que podem ajudar a alterar suas condições de vida." Marta Suplicy, ex-Prefeita do Município de São Paulo. O que eu percebo hoje em dia, em todas as reuniões que vou, é que as mulheres são as cabeças. Elas são diretoras, responsáveis pelas decisões. Porque na década de 60, nós tivemos a revolução sexual, mas agora nós estamos no auge de uma revolução intelectual e assumindo. Trabalha, cuida de filho, da casa, dos negócios, numa correria só. Na peça Cócegas, tem uma personagem que é professora de ginástica, que retrata bem isso: ela tem um jargão que é dizer o tempo todo “vamo lá que eu tô sem tempo!” E num determinado momento, ela chega ao ponto de estar fazendo flexão e pregando um botão ao mesmo tempo. As pessoas riem muito, é muito engraçado. E essa é a mulher do terceiro milênio, que saiu pro mundo, mas levou a casa nas costas. Levou a casa nas costas, mas não deixou de ser mulher”. Heloísa Perrisé, atriz "A emancipação primeira, neste século, veio após a participação política pelo direito de voto, com as duas grandes mudanças provocadas pela descoberta dos anticoncepcionais, separando em definitivo o sexo da reprodução e a absorção da mulher pelo mercado de trabalho.Acomodados os ânimos, deparamo-nos, com preocupação, com as mulheres usadas pela sociedade de consumo, solitárias e psicologicamente desamparadas, em situações que a emancipação econômica, sozinha, não pode resolver.O modelo neoliberal, ao criar enormes lacunas sociais, deixando desprotegidos diversos setores da sociedade, vem sensibilizando as mulheres mais bem posicionadas socialmente, seduzindo-as a participar de uma politização de âmbito privado, que as conduz a práticas clientelistas, onde o sentido do direito volta-se para a dádiva e a caridade.Quero aqui lembrar a observação feita pelo ilustre professor baiano Nilton Santos:Não basta outorgar direitos. O importante é propiciar, na sociedade de consumo, o acesso a estes direitos." Eliana Calmon, ministra do Superior Tribunal de Justiça.Primeira mulher a assumir cargo de ministro em um TribunalSuperior no Brasil. Tomou posse em 30 de junho de 1999. "É importante que o IBGE tenha aberto, no Dia Internacional da Mulher, este espaço para que nós nos dirigíssemos à juventude. O tema da desigualdade de gênero é ainda relevante para os jovens e para os de idade madura. Para que uma sociedade seja efetivamente democrática, é preciso haver igualdade entre homens e mulheres, e isso é um objetivo que tem que ser de todos, dos homens e das mulheres. Então, a juventude está aí para renovar essas relações, para então caminharmos rumo a um mundo que seja mais justo e marcado pela igualdade." Ruth Cardoso, Presidente do Conselho da Comunidade Solidária. "Celebra-se o 'Dia Internacional da Mulher' mas qual o dia que não é da mulher? Em casa, com os filhos, sem falar no marido: no trabalho, na escola, nos palcos nos jornais onde não está a mulher? Seu 'dia internacional' pode ser todo dia ou quem sabe a idéia é nos reservar um dia para cuidarmos só de nós próprias." Raquel de Queiroz (1910-2003), escritora, primeira mulher a ingressar na Academia Brasileira de Letras. "Eu, Zica da Mangueira, como mulher, acho que a mulher tem que lutar pelo seu lugar. Graças a Deus, já tem mulher delegada, deputada, só falta o Brasil ter uma mulher presidente, como em outros lugares. Agora, cada uma tem que fazer por si, estudar, trabalhar para conquistar o seu lugar. A mulher está de parabéns pelo que já conquistou e tem que continuar lutando. Hoje a mulher não apanha mais, só apanha se quiser. Por isso eu estou gostando, a mulher hoje tem seu lugar e é assim que deve continuar: a mulher cada vez mais tendo a sua vez." Dona Zica, da Mangueira (1914-2003). "No caso do esporte, temos motivos de sobra para comemorar o Dia Internacional da Mulher. Nós quebramos o tabu de que esporte não é uma atividade exclusiva para homens e garantimos um lugar de destaque no pódio, sempre com muito talento, garra e charme. No Brasil, a maior prova disso foi durante a últimas Olimpíadas, em Atlanta, quando a maioria das medalhas veio das mulheres. Parabéns às mulheres brasileiras por todas as vitórias já conquistadas e por aquelas que ainda virão. A todas, aconselho a prática regular de atividades físicas a fim de se manter a saúde em dia, melhorar a qualidade de vida e a auto-estima. Mas não esqueçam: antes de iniciar qualquer atividade, procure a orientação de um profissional." Fernanda Keller, triatleta "Ser mulher é ser feminina, vaidosa, simpática, inteligente, bonita, carinhosa, independente. Eu gosto de ser mulher e acho que hoje temos um papel muito importante, que é o de mostrar ao homem que o mundo mudou. Hoje, ser mulher é ser parceira na luta pela sobrevivência da família, sem discriminação. Sou mulher e sou gari. Trabalho sempre bonita, com batom e cabelos arrumados. Sou alegre e me orgulho do meu trabalho, porque sei que cuido da saúde da população." Elza Cecília de Souza, gari "Tendo dedicado quase toda a minha vida profissional à produção de estatísticas, acompanhei o crescimento da participação da mulher em todos os setores da vida nacional. As estatísticas são reveladoras. Hoje, com nível de instrução maior que o dos homens - 17% das mulheres têm mais de 11 anos de estudos contra 15% dos homens - as mulheres estão preparadas para excercer papéis de destaque e liderança na condução do Brasil ao desenvolvimento econômico e social. No entanto, até hoje, a presença feminina nos níveis de decisão mais elevados ainda é muito pequena. Para derrubar as barreiras contra a mulher estão aí os milhões de jovens deste País, com seus modos de vida cada vez mais livres de preconceitos e discriminações." Maria Martha Malard Mayer, ex-Diretora de Pesquisas do IBGE "Salve 8 de março, Dia Internacional da Mulher. Quero me dirigir a todas as trabalhadoras domésticas, especialmente às jovens. Somos a maior categoria de mulheres que trabalha nossa luta contínua junto à sociedade, para fazer valer o respeito de nossa dignidade pessoal e o valor do nosso trabalho." Arinda Libani de Jesus, Sindicato dos Trabalhadores Domésticos - RJ "Desde que eu me entendo por gente, eu lembro de minha mãe trabalhando, fazendo rendas, e com 7 anos eu aprendi a fazer renda também. Esse é o meu trabalho até hoje. Tenho quase 72 anos, fiquei viúva muito cedo, e foi com o meu trabalho de rendeira que sustentei meus seis filhos. Hoje todos trabalham, já tenho netos e até bisnetos, e continuo fazendo rendas e outros trabalhos maiores que aprendi ao longo da vida. Admiro muito a mulher e seu trabalho, sua coragem e disposição. No Dia Internacional da Mulher, desejo que Deus abençoe a todas e transmito muita força à mulher brasileira para que ela continue seu trabalho." Francisca Mary Nogueira Amora - "Dona Mary", mulher-rendeira - Aquiraz/CE "Sou gaúcha, de Porto Alegre, tenho 36 anos e tirei meu brevê aos 17 anos de idade. Atuei como instrutora do aeroclube da cidade durante vários anos e em 1984 decidi preparar-me para pilotar jatos e ingressar na aviação comercial. Enfrentei discriminações e até pensei em desistir da carreira, quando a VASP anunciou concurso público para piloto. Fui admitida na função de co-piloto em 1988, que exerci até 1996, quando passei nos testes teóricos e práticos para assumir o comando da aeronave, tornando-me a primeira mulher a comandar um Boeing 737 no Brasil. Para mim, o Dia Internacional da Mulher deveria ser encarado como uma data para as mulheres refletirem sobre suas conquistas e seus futuros desafios." Carla Roëmmler, comandante

AMIGOS - Mario Quintana




Prometi a minha amiga Adilza que ia mandar esse texto, por e-mail, isso faz mais de 24 meses! Adilza é minha amiga há exatos 20 anos, nem sempre estamos juntas, as vezes, e por longos periodos, estou morando em lugar diverso. Quando "desapareço" sem deixar endereço ou telefone, é ela quem me acha através de serviços de informações telefonicos, ou site de busca. Ela se preocupa com meu bem estar, com minha saude, enfim se preocupa comigo. Não temos nenhum vínculo sangüineo, mas é amiga "mais achegada que irmã". Me perdoe , Adilza, se não demonstro todo o amor que sinto por você. Saiba que mesmo distante, voce se faz presente, nos conselhos que recebi, nas lembranças da infancia de nossos filhos, e até dos presentes que recebi e os conservo com muito carinho....




Bem, aí vai a crônica de Quintana, faço dela minhas palavras.

"Tenho amigos que não sabem o quanto são meus amigos. Não percebem o amor que lhes devoto e a absoluta necessidade que tenho deles. A amizade é um sentimento mais nobre do que o amor, eis que permite que o objeto dela se divida em outros afetos, enquanto o amor tem intrínseco o ciúme, que não admite a rivalidade, e eu poderia suportar, embora não sem dor,que tivessem morrido todos os meus amores, mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos!Até mesmo aqueles que não percebem o quanto são meus amigos e o quanto minha vida depende de suas existências...Alguns deles não procuro, basta-me saber que eles existem.Esta mera condição me encoraja a seguir em frente pela vida.Mas porque não os procuro com assiduidade,não posso lhes dizer o quanto gosto deles.Eles não iriam acreditar! Muitos deles estão lendo esta crônica e não sabem que estão incluídos na sagrada relação de meus amigos. Mas é delicioso que eu saiba e sinta que os adoro, embora não declare e não os procure. E às vezes, quando os procuro, noto que eles não tem noção de como me são necessários, de como são indispensáveis ao meu equilíbrio Vital,porque eles fazem parte do mundo que eu, tremulamente,construí e se tornaram alicerces do meu encanto pela vida.Se um deles morrer, eu ficarei torto para um lado.Se todos eles morrerem, eu desabo!Por isso é que sem que eles saibam, eu rezo pela vida deles. E me envergonho porque essa minha prece é, em síntese, dirigida ao meu bem estar. Ela é, talvez, fruto do meu egoísmo. Por vezes, mergulho em pensamentos sobre alguns deles. Quando viajo e fico diante de lugares maravilhosos, cai-me alguma lágrima por não estarem junto de mim, compartilhando daquele prazer... Se alguma coisa me consome e me envelhece é que a roda furiosa da vida não me permite ter sempre ao meu lado, morando comigo, andando comigo, falando comigo, vivendo comigo, todos os meus amigos, e, principalmente os que só desconfiam ou talvez nunca vão saber que são meus amigos!"




Mario Qintana

25 de fevereiro de 2008

Mulher


Elementos Femininos
Silvia Schimidt


Estava um mestre rodeado por seus pequenos alunosquando um deles perguntou:" Mestre, por que a beleza é representada por imagem de mulher

"Pôs-se a dizer o Mestre :

" Observe a natureza e veja que o belo nela se manifestaatravés de elementos femininos:

Como seria o céu sem As nuvens ,

A lua e As estrelas?

Como se mostraria o sol sem A luz?

O mar nos encantaria sem As águas e As ondas?

Os desertos, como seriam sem As areias e As pedras?

Os bosques teriam perfume sem As árvores e As flores?

O dia prometeria repouso se não houvesse A noite? Que força teria o fogo se não tivesse As chamas?

Que frescor teria o solo sem A relva?

Que alívio teríamos no verão se não caísse A chuva?

Qual a beleza do inverno que não apresenta A neve?

Haveria romance no outono sem As folhas sopradas pelo vento?

A primavera e suas flores não é A mais linda estação?

Nossos corpos se moveriam se neles não corresse A vida?

"O menino refletiu algum tempo e em seguida argumentou :" Sim, são todos elementos femininos, mas o senhor não falou sobre a mulher ...

"Respondeu-lhe o Mestre :" Mas vou falar-lhe sobre o coração:

Nele estão A alma, A paixão e A alegria .

Nele está A beleza da cantiga que acalanta o homem ......

e sua melodia é sempre uma Mulher..."

Entevista com Machado de Assis



São trechos de um programa de televisão em que Machado de Assis é entrevistado 50 anos depois de sua morte. Suas respostas são frases que ele mesmo escreveu em crônicas, contos ou romances.

Repórter - O senhor gostava muito de jogar xadrez com o maestro Artur Napoleão, não é verdade?
Machado - "O xadrez, um jogo delicioso, por Deus! Imaginem da anarquia, onde a rainha come o peão, o peão come o bispo, o bispo come o cavalo, o cavalo come a rainha, e todos comem a todos. Graciosa anarquia..."
- Por falar em comer, é verdade que o senhor era vegetariano?
- "... eu era carnívoro por educação e vegetariano por princípio. Criaram-me a carne, mais carne, ainda carne, sempre carne. Quando cheguei à idade da razão e organizai o meu código de princípios, incluí nele o vegetarianismo; mas era tarde para a execução. Fiquei carnívoro."
- Que tal acha o nome da Capital de Minas?
- "Eu, se fosse Minas, mudava-lhe a denominação. Belo Horizonte parece antes uma exclamação que um nome."
- E a respeito da ingratidão?
- "Não te irrites se te pagarem mal um benefício; antes cair das nuvens que de um terceiro andar."
- E a imprensa do escândalo?
- "O maior pecado, depois do pecado, é a publicação do pecado."
- E esses camaradas que estão sempre na oposição?
- "O homem, uma vez criado, desobedeceu logo ao Criador, que aliás lhe dera um paraíso para viver; mas não há paraíso que valha o gosto da oposição."
- E o trabalho?
- "O trabalho é honesto, mas há outras ocupações pouco menos honestas e muito mais lucrativas."
- E a herança?
- "Há dessas lutas terríveis na alma de um homem. Não, ninguém sabe o que se passa no interior de um sobrinho, tendo de chorar a morte de um tio e receber-lhe a herança. Oh, contraste maldito! Aparentemente tudo se recomporia, desistindo o sobrinho do dinheiro herdado; ah! Mas então seria chorar duas coisas: o tio e o dinheiro."
- E a loteria?
- "Loteria é mulher, pode acabar cedendo um dia."
- O senhor já ouviu falar da cantora Leny Eversong?
- "Quando eu era moço e andava pela Europa, ouvi dizer de certa cantora que era um elefante que engolira um rouxinol."
- E sobre dívidas?
- "Que é pagar uma dívida? É suprimir, sem necessidade urgente, a prova do crédito que um homem merece. Aumentá-la é fazer crescer a prova."
- Pode me dar uma boa definição do amor?
- "A melhor definição do amor não vale um beijo de moça namorada."
- E as brigas de galos?
- "A briga de galos é o Jockey Club dos pobres."
- O amor dura muito?
- "Marcela amou-me durante quinze meses e onze contos de réis; nada menos."
- E a honestidade?
- "Se achares três mil réis, leva-os à polícia; se achares três contos, leva-os a um banco."
- E o Brasil?
- "O país real, esse é bom, revela os melhores instintos; mas o país oficial, esse é caricato e burlesco."
- E o sono?
- "Dormir é um modo interino de morrer."
- E os filhos?
- "Não tive filhos, não transmiti a nenhuma criatura o legado da nossa miséria."
- Muito obrigado, o senhor é muito franco em suas respostas.
- "A franqueza é a primeira virtude de um defunto."
- De qualquer modo, desculpe por havê-lo incomodado. Mas é que neste programa sempre entrevistamos alguém que já morreu...
- "Há tanta coisa gaiata por esse mundo que não vale a pena ir ao outro arrancar de lá os que dormem..."
Rio, outubro, 1958 - Rubem Braga - Ai de ti Copacabana

23 de fevereiro de 2008

Vocação


Se voce ainda não sabe qual é a sua verdadeira vocação, imagine a seguinte cena:Você está olhando pela janela, não há nada de especial no céu, somente algumas nuvens aqui e alí... aí chega alguém que também não tem nada para fazer e pergunta:- Será que vai chover hoje ?- Se você responder \"com certeza\"... a sua área é Vendas:o pessoal de Vendas é o único que sempre tem certeza de tudo.- Se a resposta for \"sei lá, estou pensando em outra coisa\"... então a sua area é Marketing:o pessoal de Marketing está sempre pensando no que os outros não estão pensando.- Se você responder \"sim há uma boa probabilidade\"... você é da área de Engenharia:o pessoal da Engenharia está sempre disposto a transformar o universo em números.- Se a resposta for \"depende\"... você nasceu para Recursos Humanos:uma área em que qualquer fato sempre estará na dependência de outros fatos.- Se você responder \"ah, a meteorologia diz que não\"... você é da área de Contabilidade:o pessoal da Contabilidade sempre confia mais nos dados no que nos próprios olhos.- Se a resposta for \"sei lá, mas por via das dúvidas eu trouxe um guarda-chuvas\":então seu lugar é na área Financeira que deve estar sempre bem preparada para qualquer virada de tempo.Agora, se você responder \"não sei\"... há uma boa chance que você tenha uma carreira de sucesso e acabe chegando a diretoria da empresa.De cada 100 pessoas, só uma tem a coragem de responder \"não sei\" quando não sabe.Os outros 99 sempre acham que precisam ter uma resposta pronta, seja ela qual for, para qualquer situação.\"Não sei\" é sempre uma resposta que economiza o tempo de todo mundo, e pré-dispõe os envolvidos a conseguir dados mais concretos antes de tomar uma decisão.Parece simples, mas responder \"não sei\" é uma das coisas mais difíceis de se aprender na vida corporativa. Por quê? Eu sinceramente \"não sei\".


MAX GEHRINGER - Revista Exame

Ensinamentos de Ghandi


Pegue seu "sorriso"
E presenteie a quem nunca teve um.

Descubra uma "fonte"
e banhe quem vive na lama.

Use sua "valentia"
Para dar força e ânimo a quem não sabe lutar.

Tenha "esperança"
E viva em sua luz.

Descubra o "amor"
E passe a conhecer o mundo.

Pegue um "raio de sol"
E faça-o brilhar onde reina a escuridão.

Pegue uma "lágrima"
E ponha-a no rosto de quem nunca chorou.

Descubra a "vida"
E ensine-a a quem não sabe entendê-la.

Pegue sua "bondade"
E dê-a a quem não sabe dar!

Mahatma Gandhi

20 de fevereiro de 2008

Carvalho (2)


O carvalho é uma árvore que, quanto mais temporais e tempestades enfrenta, mais forte fica.

Suas raízes penetram mais profundamente no solo e seu caule se torna mais robusto. sendo quase impossível uma tempestade arrancá-lo, ou derrubá-lo.

Sua aparência é, muitas vezes, triste
Por absorver as conseqüências das tempestades a robusta árvore assume uma aparência disforme como se realmente tivesse feito muita força.

Numa grande tempestade, muitas árvores são arrancadas, mas o carvalho permanece firme .

Para o carvalho, cada tempestade representa mais um desafio a ser vencido e não uma ameaça.

Nós também temos a capacidade de ser como o carvalho Podemos, e devemos, tirar proveito das situações difíceis da nossa vida e ficar mais fortes.

Um pouco marcados, sem dúvida Muitas vezes, com aparência abatida.
Mas fortes!!!
Com raízes bem firmes e profundas na terra.

Se você está passando por dias de grandes lutas, pense no carvalho e encare como sendo só mais uma tempestade em sua vida.

Enfrente com garra e torne-se, à cada dia, mais firme, mais forte...
Como o carvalho.

BONSAI OU CARVALHO?



Texto escrito por Rackel Melo


Bonsai. Já ouvimos falar muito esse nome e às vezes nem sabemos do que se trata.
É uma árvore em miniatura, muito usada em decoração ou coleção. Esta espécie de árvore é muito difícil de ser cuidada, pois sua fragilidade requer um manuseio especializado e cauteloso.
O tratamento dessa planta vai além da poda de suas folhas e da irrigação da sua terra, ela necessita de um cuidado especial com sua raiz, que não pode crescer muito. Precisa permanecer atrofiada para garantir o tamanho em miniatura da árvore. È preciso também um cuidado com seu solo. A terra deve ser preparada com quantidade certa de arenito, terra adubada e outros componentes que permitam que o Bonsai tenha sua dose de nutrientes diária nem a mais nem a menos. E por último o vaso, que tem uma grande importância por deter a planta no seu crescimento, pois, uma vez que as raízes atingirem por completo a área do vaso, elas atrofiam e assim a planta envelhece e não cresce.
O Carvalho é uma árvore de grande porte e sua copa proporciona grande sombra à sua volta, o que não permite que plantas parasitas cresçam ao seu redor e roubem os seus nutrientes.
O Carvalho possui também uma raiz muito profunda, dando-lhe a capacidade de se fixar firmemente quando o vento forte sopra insistindo em derrubá-lo. As raízes profundas do carvalho permitem que a árvore absorva água fresca e limpa dos lençóis freáticos, localizados em sua maioria em grande profundidade, o que eu dá a garantia ao Carvalho que mesmo em um período de estiagem ele não será abalado, pois suas reservas de água e sais minerais estarão garantidos graças as suas raízes profundas.
O Carvalho é considerado pelos madeireiros uma árvore de madeira nobre, ou seja, sua madeira é muito boa em qualidade para a confecção de móveis e muito cara em custeio, fazendo com que o Carvalho esteja na lista de árvores que tem a extração de sua madeira contrabandeada. Esse contrabando em alta escala está levando o Carvalho à extinção.
As informações acima nos remetem ao tempo em que vivemos e ao cristianismo que praticamos. Você deve estar se perguntando: como seria possível traçar um paradoxo entre o Bonsai e Carvalho? E como isso se aplica na minha vida hoje? A resposta é simples.
Você é quem vai dizer quem você é hoje. Um Bonsai ou um Carvalho. Dependendo da sua resposta você terá a oportunidade de promover uma mudança na sua situação "arborística" hoje mesmo.
Para facilitar, vamos colocar as qualidades das duas plantas aqui apresentadas seguidas das comparações com o cristão:

QUALIDADES DO BONSAI

É pequeno e ótimo para decoração
É assim que alguns crentes estão atualmente, pequenos e só ocupando espaço no banco da igreja, estão de enfeite. A pergunta é: pra quem?

É bonitinho
Tem "irmãozinho" que só enche os olhos na igreja, mas por dentro é um sepulcro caiado.

É ótimo para colecionar
Buscamos cargos e títulos sempre com a desculpa de colocá-los a serviço de Deus, mas estamos colocando diplomas e honras em prateleiras no canto iluminado da nossa preguiça e inércia.

É sempre uma surpresa, se não olhamos bem não sabem ao certo de que espécie é
Muitos têm sido assim, sem definição, suas vidas tem sido uma surpresa a cada dia, não vivem dos planos de Deus, mas sim das surpresas ruins do diabo.

QUALIDADES DO CARVALHO

Possuem uma grande copa
Os que é como o carvalho possui um vasto conhecimento vindo de Deus, o que o permite dar conselhos e ajuda aos que necessitam. Assim como o carvalho, oferece sombra e abrigo.

Seu tronco é grande e forte
Os crentes em Jesus são grandes, pois sua grandeza vem do Senhor e são fortes, pois a sua força também vem do Senhor.

São árvores vistas de longe
O verdadeiro crente reluz como o ouro. Sua fala, seus atos e seus pensamentos brilham como um farol no mar escuro e sombrio.

São árvores de madeira nobre
Deus nos fez como homens com o comportamento nobre, com o coração nobre e com uma vida nobre, afinal somos filhos de um Rei.

Suas raízes são profundas
Quando as nossas vidas estão firmadas no Deus todo poderoso, de dentro de nós correram águas vivas vindas diretamente do Trono de Deus.

O vento sopra sobre o Carvalho
É estranho achar que isso é uma qualidade?
Não. Quando o vento de Deus sopra, seja ele como um vento forte ou como uma brisa, vem anunciar que Deus está no controle, assim como fez com Elias. Deus está agindo, mesmo em meio à ventania.

Os madeireiros têm o desejo de possuir sua madeira
Como isso também pode ser uma qualidade?
Meu irmão, eu comparo a figura do madeireiro como o diabo, que deseja ardente e incessantemente ceifar as nossas vidas. Mas se somos grandes, fortes e firmes ele não terá sucesso.

O único defeito que achei no Carvalho é que ele está em extinção, e isso nos faz refletir que não são muitos os crentes como Paulo, João, Pedro e outros Carvalhos de Justiça plantados por Deus.
Ore a Deus neste momento e peça para fazer de você um Carvalho de Justiça e Honra. Que por onde passe, você seja visto como uma árvore plantada junto ao ribeiro de águas.

"Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará." Salmos 1:3


19 de fevereiro de 2008

Estação Chuvosa

Estação pluviosa
na terra humosa -
a semente acorda.

RoseleeSalles


Paródia: As mutretas



As mutretas

Cartões corporativos são
brancos,
amarelos,
azuis
pretos,
que bela criação!

Cartão branco:
dinheiro vivo no banco.

cartões azuis
se confundem com outros
se há pouca luz.



Cartão com brasão
compra-se material de construção.

Cartão amarelo,
quanta fidúcia:
compra-se urso de pelúcia!


Os pretos então...
quanta corrupção!

18 de fevereiro de 2008

Estrelas cadentes


Estrelas cadentes
cintilam vivamente...
antes de cair!

Roselee Salles


Verão - (haicai)


A terra lateja
a luz do sol flameja
chegou o verão.

Roselee Salles

14 de fevereiro de 2008

O girassol



Sempre que o Sol

Pinta de anil
Todo o céu
O girassol
Fica um gentil
Carrossel.
O girassol é o carrossel das abelhas.
Pretas e vermelhas
Ali ficam elas



Brincando, fedelhas
Nas pétalas amarelas.

Vamos brincar de carrossel, pessoal?
– "Roda, roda, carrossel
Roda, roda, rodador
Vai rodando, dando mel
Vai rodando, dando flor."
– Marimbondo não pode ir que é bicho mau!
– Besouro é muito pesado!
– Borboleta tem que fingir de borboleta na entrada!

– Dona Cigarra fica tocando seu realejo!
– "Roda, roda, carrossel. Gira, gira, girassol
Redondinho como o céu

Marelinho como o Sol.
"E o girassol vai girando dia afora...
O girassol é o carrossel das abelhas.


(Vinicius de Moraes)

As borboletas


As Borboletas


Brancas


Azuis


Amarelas

E pretas


Brincam

Na luz


As belas

Borboletas,


Borboletas brancas

São alegres e francas.



Borboletas azuis

Gostam muito de luz.



As amarelinhas

São tão bonitinhas!



E as pretas, então...

Oh, que escuridão!



(Vinicus de Moraes)

13 de fevereiro de 2008

Mandacaru - haicai




Os Mandacarus

olham pro sol com desprezo -

aprumam-se tesos.

Roselee Salles




Andorinhas - (haicai)

MOV.com.br - Recados Animados para seu Orkut


As andorinhas
aos pares se aninham
nos beirais da igreja.

Roselee Salles

Primavera - (haicai)


Passam em bando
as bravas andorinhas -
Primavera chegando.

Roselee Salles


Juritis - (haicai)


Sob o farfalhar

festivo dos buritis

cantam as juritis!

Primavera (Haicai)


Primavera



Sobre o solo

Assomam vivazes

flores lilases

12 de fevereiro de 2008

Abelha - (haicai)


A abelha

busca nectar de flor em flor

sem nenhum pudor.

Zebra


Zebra é um bicho

muito engraçado

só veste listrado.

Elefante e aliá




Elefante, há, há
Só o macho, a fêmea
Se chama aliá.

Roselee Salles

Efeito borboleta


Belle foi morar no Rio
Engordei dois quilo,
Meu escritório ficou vazio.

11 de fevereiro de 2008

Belle , Bellinha


Belle , Bellinha
Filha do meu filho
É minha netinha!

Roselee Salles

10 de fevereiro de 2008

SAUDADE - 4




A saudade é a memória do coração.
(Henrique Maximiliano Coelho Neto )



SAUDADE - 3



A saudade precisa de distância para crescer.
(Pedro Bloch)

Saudade - 2


A casa da saudade chama-se memória:é uma cabana pequenina a um canto do coração.

(Henrique Maximiliano Coelho Neto)

9 de fevereiro de 2008

SAUDADE DE BELLE

Ai que saudades que tenho daquelas tardes fagueiras.

SAUDADE


Guarda estes versos que escrevi chorando como um alívio a minha saudade, como um dever do meu amor; e quando houver em ti um eco de saudade, beija estes versos que escrevi chorando.

(Joaquim Maria Machado de Assis)





Saudade é :
Não encontrar tarefas que lhe cessem o pensamento,
Não saber o que fazer com os dias que ficaram mais longos
Não frear as lágrimas diante de uma música,
Não saber como vencer este sentimento
E, ao ver uma foto antiga rir-se de contente...

6 de fevereiro de 2008

OS DEGRAUS




Descia os degraus da minha existência
Do verdadeiro amor não tinha ciência
Nada mais queria, nada importava
Da solidão, e desamor era escrava.

Eu encontrei o amor num lance
No instante em que te vi de relance,
Mudei de direção; o meu escopo
É subir, subir, contigo chegar ao topo...

A jornada, eu sei, é maior indo sozinho
De mãos entrelaçadas no mesmo caminho
Estes degraus parecem de ouro
Quem tem amor tem um tesouro.

Nestes degraus belas rosas florescem,
Folhas murchas, agora reverdecem,
Que bela sinfonia de amor traz o vento!
Ele que nos impulsiona todo tempo ...

3 de fevereiro de 2008

E agora Ernest?


" ...a morte de qualquer homem diminui-me, porque sou parte do gênero humano.

Por isso não me perguntes por quem os sinos dobram...."

Ernest Heminguay


*************************

E agora Ernest?
Por quem os sinos dobram
Se a morte de qualquer homem me diminui,
Estou cento e noventa e nove vezes menor,
Estou aniquilada.

E agora Ernest,
Por quem os sinos dobram?
Eles dobram pelos homens, mulheres, crianças
E até pelos que ainda iam nascer....
Eles dobram pelos que estavam no vôo trinta cinquenta e quatro.
Eles dobram por mim e por você!

Roselee Salles

ISABELLE - acrostico 2 -


I nigualável é o meu encantamento: Belle é

S uave, como um lago transparente,

A s noites de um verão caliente;

B orboletas multicores

E , jardim com belas flores

L uar argênteo sobre os montes,

L á no céu estrelas cintilantes

E mais pura que diamantes!

Roselee Salles

2 de fevereiro de 2008

acrostico ISABELLE




I NICIAS UM NOVO CICLO DA VIDA,
S INTO RENOVADAS ALEGRIAS.
A VELUDAR MINHA VIDA VIESTES
B EM-VINDA SEJAS, ANJO A DORMITAR
E NLEVADA FICO A CONTEMPLAR-TE
L EMBRO-ME DE UM TEMPO DISTANTE:
L Á SE VÃO MEIO SECULO...
E SPERANÇAS DE UM MUNDO MELHOR!


O OLHAR DE BELLE





Esse Seu Olhar

Entenderias por que fico a te admirar
Com tal encanto, sem nunca me cansar
Entregue à imensidão do teu olhar
Se soubesses o que felicidade é.


Quando teu olhar inocente se ilumina
O mundo fica mais bonito
Vejo, sem véu e sem neblina,
de Deus a bondade e o amor infinito!


Como definir tamanha beleza?
Azul-amor, azul-alegria, azul pureza?
Ah, se minha felicidade tivesse cor
Seria azul-Belle com certeza....

BEIJOS DA VOVÓ














Eu gosto de olhar a face
Desta bonita criança.
Cintilas como as estrelas,
Floresces como esperança.
.

Dentro de mim se introjeta
A luz multicor dos prismas
Qual passarada irrequieta.
Batem asas as cismas.
.
Roselee Salles

acrostico ISABELLE (1)



I maginai mil coisas encantadas...
S ereno rio de diáfanas correntezas
A s vaporosas noites estreladas,

B orboletas multicores, delicadezas...
E fragrâncias de jasmins e de açucenas,
L uz purpurina que a aurora revela,
L uar de prata sobre os montes, tudo isso
É Belle, de todas a mais bela!

Roselee Salles